Acessibilidade agora nos cinemas.

Fonte: Tribuna PR/ Agência BR
Foto: Felipe Rosa/Tribuna do Paraná

Pessoas com deficiência visual ou auditiva agora podem ter o gostinho de assistir filme em uma sala de cinema: a Rede Cineplus, no Shopping das Américas, em Curitiba, é a primeira empresa a construir uma sala com acessibilidade: a TSX.

Ela foi totalmente estruturada com equipamentos individuais com fone de ouvido – para as pessoas com deficiência visual – que narra as expressões e cenários em tempo real. No caso das pessoas com deficiência auditiva, o cinema oferece uma pequena tela, que é encaixada no porta-copos da poltrona, onde aparece uma pessoa fazendo os sinais de libras e a legenda. E o melhor: nenhum equipamento interfere na experiência dos demais usuários.

Exatamente pelo acesso individual aos recursos é que o usuário deve solicitar na bilheteria, no momento da compra do ingresso, a acessibilidade de acordo com a sua necessidade.

A Rede Cineplus vai ao encontro da Instrução Normativa 128/2016, da Agência Nacional do Cinema (Ancine), que determina que a partir do dia 1º de janeiro de 2020, todas as salas de cinema do país serão obrigadas, sob pena de multa, a oferecer aparelhos de acessibilidade a deficientes visuais e auditivos. 

E, segundo a norma, até o dia 16 de setembro deste ano, os exibidores precisam ter atingido a meta de 35% das salas dos grandes complexos e 30% das salas dos grupos menores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *